Lista Forbes: 40 maiores bilionários com negócios ligados ao vício, 12 deles a jogos

TV Jurerê
01:00:PM - 04/Aug/2017

Dos 1810 nomes que compõe a lista de bilionários de FORBES de 2016, o total de 40 tiveram como parte da fonte de renda algum negócio ligado ao vício, seja por meio de jogos, bebida ou cigarro.

Liderado por Jorge Paulo Lemann, o trio da 3G Capital (com Marcel Herrmann Telles e Carlos Alberto Sicupira) ocupa três dos cinco primeiros lugares. Entre outros negócios, os brasileiros têm como parte da fonte de renda a AB-Inbev, maior companhia de bebidas do mundo, detentora de marcas como Skol, Brahma, Budweiser, Stella Artois e Quilmes.

No Top 5 também está a controladora de outra cerveja extremamente popular pelo mundo, a Heineken. Para fechar este seleto grupo, em segundo lugar, o maior nome de Las Vegas hoje, Sheldon Adelson, mostra a força dos jogos de azar, em especial nos Estados Unidos.

Dentre os 40 há 12 bilionários ligados a jogos.

Vejamos.

 Sheldon Adelson, fortuna US$ 25,2 bilhões, Estados Unidos , cassino Las Vegas Sands.

Johann Graf, fortuna US$ 8 bilhões, Áustria, Novomatic Automatenhandels AG (máquinas de apostas).

Lui Che Woo, fortuna US$ 7,6 bilhões, Hong Kong, Galaxy Entertainment Group (cassinos)

Mark Scheinberg, fortuna US$ 4,1 bilhões, Canadá, PokerStars

Denise Coates, fortuna US$ 3,8 bilhões, Reino Unido, Bet365 (apostas on-line)

Pansy Ho, fortuna US$ 3,4 bilhões, Hong Kong, MGM China (cassinos)

Teddy Sagi, fortuna US$ 3,3 bilhões, Israel, software de apostas da Playtech

Tilman Fertitta, fortuna US$ 3 bilhões, Estados Unidos, Golden Nugget Casinos e restaurantes

Manuel Lao Hernandez, fortuna US$ 2,4 bilhões, Espanha, Cirsa (cassinos)

John Coates, fortuna US$ 1,9 bilhão, Reino Unido, Bet365 (apostas on-line)

Cui Lijie, fortuna US$ 1,8 bilhão, Hong Kong, Imperial Pacific International Holdings (cassinos)

Angela Leong, fortuna US$ 1,4 bilhão, Hong Kong,SJM Holdings (cassinos)

Lawrence Ho, fortuna US$ 1,2 bilhão, Hong Kong, Melco International (cassinos)

Kazuo Okada, fortuna US$ 1,1 bilhão, Japão, Universal Entertainment Corp. (equipamentos para cassinos)